PITCH DE VENDAS

Você sabe vender a sua ideia em menos de três minutos? Será que esse tempo é suficiente para chamar a atenção de quem deseja? Hoje vou te mostrar o passo a passo completo para construir um pitch de vendas informativo, atrativo e impactante. Vem comigo e se joga!

O pitch de vendas é uma metodologia ágil e dinâmica, focada especialmente em startups, que consiste em fazer um discurso super rápido com o objetivo de instigar o seu potencial cliente. Essa metodologia é muito usada hoje em dia e defende que, se você precisa de mais de três minutos para explicar sua ideia, ela é complexa demais para ser boa.

“Mas Camila, como transmitir tudo que preciso em tão pouco tempo?” Com esse passo a passo, não tem erro:

1.Apresente-se

2.Diga o nome da sua empresa

3.Explique o ramo de atuação no qual está inserido

Aqui vale uma dica: cuidado com termos em inglês ou com áreas muito novas, como growth hacking. O termo pode ser bonito e estar na moda, mas nem todo mundo saber o que significa. Use sinônimos para garantir que seja compreendido.

4.Cite seus diferenciais. O que você faz de melhor, de único, de diferente

Com tão pouco tempo para falar, evite mencionar diferenciais que não sejam relevantes. O ideal é conhecer o que realmente incomoda o cliente e focar no que sua empresa faz para sanar esse problema em especial. Se essa dor não for mapeada, você pode perder tempo falando em atendimento, quando na verdade a facilidade de pagamento seria o gatilho mais importante para fechar essa venda, por exemplo.

Para mapear o que é relevante como diferencial, busque estudar sobre o mercado, monitorar a concorrência, acompanhar as redes sociais, ler críticas que a empresa recebe de coração aberto para buscar oportunidades de melhoria, e se possível, sair a campo como um profissional raiz, fazer visitas e conversar com clientes de forma neutra.

  1. Apresente seu slogan, propósito, o grande porquê da sua ideia existir

    Transmitir essa ideia é um grande desafio, mas eu tenho algumas dicas para conseguir captar esse conceito central e transmiti-lo de forma simples:
  • Você pode focar em enaltecer os ganhos para o seu cliente, sejam eles racionais ou emocionais, como por exemplo o desejo de status.
  • Outra estratégia é focar nas dores e mostrar como você pode remediar o que o aborrece, que pode ser um risco, custo envolvido, ou mesmo um problema que precisa de solução.

Uma estrutura de pitch de vendas focada em dor e benefício é muito simples e pode ser realmente eficaz. Cito como exemplo do Uber, que aponta como dores a falta de controle do passageiro sobre quem vai levá-lo, quanto a viagem custará, qual será a rota e se esse realmente será o melhor caminho.

Como benefícios, o Uber vende a oportunidade de pessoas comuns se tornarem motoristas para levantar uma renda extra, controle do passageiro sobre a viagem, o motorista e o preço, busca por caronas em tempo real e a super comodidade de pagar através do cartão.

Imagina se o Uber só falasse em atendimento, que embora tenha um certo cuidado, não é o conceito central! Perceba que esse modelo de problema principal e solução resolve de forma mais simples essa etapa.

  1. Credibilidade com casos de sucesso

A estrutura estrutura central de um pitch de vendas geralmente não comporta esse sexto item, mas se você ainda tiver um tempinho, ele pode fazer a diferença.

Apresente casos de sucesso de clientes, especialmente se forem de marcas reconhecidas. Isso poderá ajudar a finalizar o seu pitch com a construção de autoridade e credibilidade.

Dica bônus: sabe onde você também pode aplicar esse mesmo passo a passo? Na bio do Instagram!

exemplo bio instagram

Se apresentar, falar da sua área, citar sua proposta de valor e diferenciais e finalizar com um link para suas formas de contato é uma forma rápida e clara de informar e atrair seus seguidores.

Espero que tenha gostado do passo a passo e que ele te proporcione ótimas vendas. Até a próxima!

Escrever comentário sobre PITCH DE VENDAS NA PRÁTICA | Passo a Passo e Dica para Redes Sociais