Você precisa! | Relação Saudável com a Tecnologia

Você se sente refém do WhatsApp? Se sente meio triste com tudo que acompanha nas redes sociais? Ou então com aquela urgência e necessidade de checar as notificações do seu celular o tempo todo? É […]

Você se sente refém do WhatsApp? Se sente meio triste com tudo que acompanha nas redes sociais? Ou então com aquela urgência e necessidade de checar as notificações do seu celular o tempo todo? É muito provável que você precise estabelecer uma relação mais saudável com a tecnologia. Vamos entender como fazer isso na prática?

Já falamos a respeito do lado negativo da tecnologia e redes sociais em um vídeo sobre o documentário original Netflix, O Dilema das Redes e vale a pena resgatar um ponto deste conteúdo sobre o modelo de tecnologia vs o modelo do pensamento humano. A tecnologia é exponencial, já a nossa maneira de pensar, aprender e viver é linear, o que pode acabar gerando uma diferença de profundidade, principalmente de velocidade, que pode trazer consequências para nossas vidas, especialmente no que diz respeito à saúde mental.

Além disso, as redes sociais são idealizadas para que não vejamos o tempo passar. É projetado com uma engenharia social para que tenhamos urgência e vontade de ficar conferindo aquilo o tempo todo. Isso pode nos deixar mais ansioso e ainda mais cansados. Em alguns casos isso pode estar atrelado à quadros depressivos. Essa engenharia social faz com que nos comparemos aos outros, mas não de igual para igual e sim através dos bastidores, que muitas vezes não são reais.

As dicas a seguir, além de serem práticas, focam tanto no bem estar e saúde mental quanto a fugir do vício que nos torna refém das redes sociais.

  • Invista em conhecimento

A partir do momento que você está lendo esse conteúdo, você já está investindo em conhecimento. Entender como as coisas funcionam te ajudará a desenvolver pensamento crítico, que é essencial para nos libertar de qualquer manobra de influência e para ficarmos ciente do que estamos fazendo.

  • Elimine as notificações do celular 

As notificações funcionam como um verdadeiro gatilho de condicionamento. Você vai ter um estímulo visual, tátil e até mesmo sonoro, com o toque da notificação. Muitas pessoas sentem esses estímulos mesmo sem acontecer, graças à força do condicionamento, que é sim um caminho para o vício. A partir do momento em que você elimina as notificações e para de receber esses estímulos, isso vai te ajudar a estabelecer uma relação muito mais saudável com a tecnologia. Assim, você estará no controle da ferramenta.

  • Defina os momentos de uso

A partir do momento que seu celular não recebe mais as notificações, cabe a você determinar os horários e o modo como vai utilizar toda e qualquer ferramenta de tecnologia. Se você trabalha com redes sociais, organize sua agenda para que mantenha o foco, controlando sua intensidade de uso.

  • Exercite o equilíbrio entre dor e prazer

Naturalmente, o ser humano não gosta de sentir dor. Ele tende a ir para um caminho de total prazer. A partir do momento em que você estiver entediado e pegar o seu celular para se distrair e ver o tempo passar mais rápido, seu cérebro vai liberar uma série de neurotransmissores que vão te ensinar que o seu celular tem a função de te deslocar da realidade. Mas isso tem um efeito rebote e pode nos deixar ainda mais cansados. Tente exercitar isso, suportando um pouco mais de tédio e desconforto, pois isso também será bom para desenvolver disciplina. Outro modo de exercitar isso pode ser feito através do momento em que você consegue tolerar ficar offline ou tolerar receber opiniões diferentes das suas.

  • Detox de tecnologia 

Desconecte-se! Essa dica é muito útil para conseguir ter uma relação mais saudável com a tecnologia e pode ser usada de diversas formas, como por exemplo: não utilizar o celular durante um dia inteiro ou durante a manhã, não utilizar o celular até duas horas antes de dormir ou até mesmo não utilizar celular nas refeições. Estabeleça esses horários em que você ficará livre da tecnologia e dedique-se a outra atividade.

  • Não insista em atitudes que te façam mal

Se algo não te faz bem, você deve parar imediatamente. Mas que coisas podem ser essas? Acompanhar aquela influencer que tem a vida perfeita enquanto você está cheio de boletos para pagar, por exemplo. Se você usa as redes sociais para ver diversos assuntos e isso não te inspira, não faz com que você se sinta mais feliz quando terminou do que quando começou, pare com isso! Não se compare. Redes sociais são realidades editadas por personas e projeções do que as pessoas gostariam de ser.

  • Tecnologia é ferramenta

Tenha em mente que tudo que envolve plataforma e tecnologia é ferramenta. Vamos usar a analogia do martelo, que também é uma ferramenta. Você deixa um martelo ter influência ou te deixar mal e gerar algum sentimento? Claro que sabemos que as plataformas digitais interagem conosco e nos incentivam a fazer certas ações, mas essa analogia serve para que possamos nos empoderar. Não deixe que ferramentas como celulares, redes sociais, comunicadores como o WhatsApp, plataformas de vídeo como o Youtube fiquem te sugerindo coisas e te dominando. Lembre-se, você deve usar a ferramenta e não a ferramenta te usar.

Espero que tenham gostado do conteúdo e compartilhe com mais pessoas para que todos possamos ter cada vez mais uma relação saudável com a tecnologia.

Escrever comentário sobre Você precisa! | Relação Saudável com a Tecnologia