Como vencer o perfeccionismo | dicas práticas

O perfeccionismo é um mecanismo de defesa que usamos para nos proteger do risco e da frustração. No meu caso, o perfeccionismo estava muito ligado às minhas crenças e à minha insegurança. Apesar disso, é […]

O perfeccionismo é um mecanismo de defesa que usamos para nos proteger do risco e da frustração. No meu caso, o perfeccionismo estava muito ligado às minhas crenças e à minha insegurança. Apesar disso, é importante lembrar: nenhum erro tem a capacidade de te definir. Os erros são justamente oportunidades para aprender, evoluir e melhorar.

Contudo, é difícil para o perfeccionista admitir que é, devido às desculpas que contamos a nós mesmos como “só estou dando o meu melhor”. Dessa forma, o medo de errar é disfarçado e a pessoa costuma se prender em dois cenários:

Ficar preso a um único ponto: acontece quando, por exemplo, há um projeto para entregar e tenta-se deixar ele o melhor possível, mas esse possível nunca chega. Dessa forma, os demais itens da agenda, os outros projetos e objetivos pessoas ficam para segundo plano. Sendo assim, atrasos, procrastinação e desistência se tornam frequentes.

Tentar dar conta de tudo e sentir-se esgotado: quando há a ciência de todos os projetos e tenta-se dar conta de terminar tudo, com esse viés da perfeição. Consequentemente, o sentimento de esgotamento e de cansaço facilmente tomam conta.

Posto isso, a pior consequência que esses cenários podem levar é a desistência, e desistir é o ato de matar o sucesso. Quanto desistimos, estamos assumindo que não teremos mais nenhuma probabilidade de algo ser bem-sucedido. E sim, os perfeccionistas têm mais probabilidade de desistir de seus sonhos, metas e projetos.

Confira 6 dicas para superar comportamentos ligados ao perfeccionismo:

  1. Tomar a decisão de não querer mais ser perfeccionista

Decidir isso envolve ter consciência de que é um processo que não acontece de um dia para o outro. Deve-se mudar pequenas atitudes todos os dias. 

  • Mudar a perspectiva

Os perfeccionistas tendem a alimentar nos outros esse desejo por melhoria. A maneira como nos posicionamos, como nos apresentamos, tudo isso já leva quem está nos acompanhando a deixar algum feedback negativo ou algo que poderia ser melhorado. Dessa forma, as críticas recebidas causam desmotivação e depreciação. Portanto, de primeira mão, é importante aprender a deixar isso de lado e acostumar-se com o “imperfeito”.

  • Exercitar o imperfeito

Afinal, a mudança de comportamento se dá através de exercícios, por exemplo: deixar a sala desarrumada, deixar a mesa bagunçada, lançar um story gravado pela primeira vez.

 

  • Lembrar que o feito é melhor que o perfeito

É preciso entender que as coisas precisam caminhar, ir para a frente, caso contrário, não acontecem. Dessa forma, muitas vezes a informação é melhor que o formato, e deve-se colocar na balança o que é mais relevante: uma informação de maior qualidade, ou apenas uma formatação agradável?

  • Adoção de metodologias ágeis

Como por exemplo: MVP, AGILE, KANBAN. Essas são metodologias rápidas para você andar para a frente, para avançar. Dessa forma, é possível entregar mais tarefas, fazer os trabalhos mais rápidos e bons o suficiente. Assim, o que leva à evolução é a constância, o erro junto do aprendizado!

  • Apreciar a jornada

O perfeccionista está sempre almejando a linha de chegada, sempre olhando para o que falta fazer para chegar lá. Apesar disso, é importante aproveitar o processo e aprender com ele. Portanto, a última dica é sobre isso: aproveitar a jornada, o caminho. 

Com todas essas dicas, toda luta para alcançar seus objetivos será mais leve, mais prazerosa e levará não somente a bons resultados, mas também a bons aprendizados e mais serenidade. Por conta disso, você não vai desistir!

Escrever comentário sobre Como vencer o perfeccionismo | dicas práticas