Oi, pessoal!

No post de hoje vamos falar sobre uma das métricas mais importantes para quem trabalha com e-commerce, o CTR (Click Through Rate) ou Taxa de Clique.

Se preferir confira o vídeo na íntegra, no final deste post, diretamente do meu canal no Youtube.

Conceito

O clique é um pilar, um conceito fundamental dentro do Marketing Digital. A Internet foi criada e se baseia em cliques. É justamente por isso que as estratégias que levam o nosso cliente a clicar, e por consequência acessar nosso conteúdo ou produto, são tão importantes.

Para quem tem e-commerce, o clique é o primeiro passo no caminho à conversão. Conversão nada mais é do que o ato de alcançar nosso objetivo, que neste caso é VENDER.

Entenda

Taxa de clique ou CTR é a a relação entre quem viu o link clicável de nosso anúncio pago ou conteúdo orgânico e quem efetivamente clicou nele. É por isso que essa relação determina a qualidade (e atratividade) deste conteúdo ou anúncio. Por ser uma taxa, o CTR é apresentado de forma percentual.

Fórmula

CTR = Quem viu (Impressões) / Quem Clicou (cliques) * 100

Valor Ideal de CTR

A melhor forma de encontrar o CTR ideal é usar seu próprio referencial, como o histórico, por exemplo. Mas para dar uma ideia de mercado, estamos falando de 1% de CTR médio. Isso significa que a cada 100 pessoas impactadas (impressões), apenas uma vai clicar. Os esforços para aumentar o CTR precisam ser contínuos, justamente para diminuir a necessidade de impactar tantas pessoas.

O Google Adwords usa um referencial de CTR de 1,5%. O Facebook Ads, de 1%. Algumas modalidades de mídia programática ou e-mail marketing, 2%. Lembrando que são médias generalistas, é extremamente comum ver índices bem diferentes no dia a dia, afinal, cada caso é um caso.

Problemas no CTR

Se o CTR de suas campanhas estiver muito baixo, você pode agir com novas estratégias em três pilares:

Público Alvo / Veículo:

Você pode não estar no veículo (mídia) onde seu público está. É extremamente importante mapear muito bem o seu público alvo e ter clara definição de quem é o seu cliente e de como se comporta na Internet, definindo as buyer personas.

Arte:

A arte deve ser atrativa e chamar a atenção. Contrastes, rostos humanos e a beleza da peça em si são atributos que ajudam a aumentar o foco de atenção do usuário e por consequência, aumentam o CTR.

Texto:

Se o texto for grande demais, se o link estiver perdido em meio à frases longas e mal redigidas, isso pode prejudicar o CTR. O texto deve usar CTA (call to action) e ser atrativo para o clique.

Reflita

Se você produz conteúdo ou campanhas de mídia paga e tem CTR muito baixo, pode não estar valendo a pena todo o esforço investido. É muita gente impactada, mas pouco resultado real. Por isso, sempre priorize qualidade ao invés de quantidade. Um bom CTR é o primeiro passo rumo à conversão e aos resultados reais de vendas!

Espero que tenham gostado do post! Até a próxima :)

Escrever comentário sobre CTR | O que é, fórmula e como interpretar